Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Previsões Mensais - Julho de 2017

por Joana Cristina Pinto, em 29.06.17

Previsões.jpg

 

Energia principal do mês: O Imperador

Energia secundária do mês: A Papisa

 

Este será outro mês de limpezas e mudanças. Enquanto no ultimo mês nos foi pedido decisões e escolhas este mês temos que nos manter fies a essas escolhas e deitar abaixo o que falta. Isto não é para assustar ou deprimir mas somente para avisar, porque se o fizermos o mês ate se torna leve e positivo, tudo depende da forma como encaramos as coisas. Mas vamos por partes.

Como energia principal do mês temos O Imperador que é rude, inflexível e controlador, o que não é negativo. Este mês temos que assumir o controlo, já ando a falar nisto a dias, só assumindo o controlo da nosso vida é que podemos leva-la para onde queremos e como queremos. Mas também sei que muitas pessoas não estão dispostas a essa responsabilidade, e se não o fizerem irão sofrer as consequências mais tarde.

 

Este mês procure ser estruturado, isto é, não invente nem faça nada por impulso, tudo deve ser muito bem planeado e pensado. Invenções podem sair caras, pois a energia secundária do mês, A Papisa, lembra que não sabemos de tudo, alguns pormenores e situações estão escondidas. Atenção. Mas também não seja inflexível ao ponto de não fazer nada com medo das consequências, bom senso e equilíbrio.

 

Este Imperador pode parecer mau, mas está longe disso, só pede estrutura, ele gosta de saber tudo, para poder controlar tudo o que se passa no seu reino, e na verdade o mesmo se passa com a nossa vida, como vamos para  frente se não sabemos quem somos, o que queremos ou para onde queremos ir? Estas são as questões básicas. Logo este mês seja mais frio e racional, sem exageros, não deixe nada ao acaso e faça! Tudo se realiza sobre influência do Imperador. Procure mesmo conselhos profissionais ou aconselhe-se com pessoas sábias.

 

A procure de informação é fundamental este mês, apesar de nada estar escondido tudo se encontrar agora ao nosso alcance, a informação não é dada de livre vontade. Temos que ir atrás, pesquisar e analisar. Se algo for feito de forma leviana e sem compreensão pode vir a ter surpresas desagradáveis. E como diz o ditado : “quem vai pró mar avia-se em terra”. Nada de inventar este mês.

 

A Papisa é uma carta de extrema intuição e espiritualidade pelo que este campo estará em evidência este mês. Escute mais a sua intenção, procure e siga a sempre a sua intuição interna, melhor que ninguém ela sabe o caminho e como percorre-lo. É importante também cuidar da sua saúde espiritual e energética, pois estará mais sensível, procure ajuda com pessoas da área, mas tenha um bom filtro. Cada vez mais á pessoas  a trabalhar na espiritualidade mas cada vez mais não são pessoas serias. Tenha um bom filtro.

 

Tal como já disse, não considero este mês mau, longe disso. Se fizer o que lhe esta a ser pedido pela vida, as coisas até correm bem, se continuar em negação, boa sorte. Boa sorte porque? A vida esta a dar varias hipóteses de fazermos o processo de limpeza e evolução de forma voluntária. Quando estas benesses terminarem a vida vai-se encarregar de o fazer, e ai sim, dói e muito e nada poderá fazer senão observar.

 

Sei eu este processo não é fácil, mas tem que ser feito. Sei que as vezes pareço dura ou radical, mas tem que ser, e falo para meu e vosso bem. Não acredito em vitimas da vida nem coitadinhos. É para fazer? Sim. É para melhor? Sim, vamos lá! Eu também o falo e também me dói, mas depois também vejo as coisas boas de o fazer.

 

Em Julho é importante ser leve, divertido e optimista. Estamos a passar processos difíceis mas a tristeza não vai-lhe trazer mais valias. Tenha fé e confiança na vida, saiba que esta no caminho certo e não desista. Divirta-se muito, sem exageros ou maluqueiras!! Pode correr mal. Mas divirta-se, relaxe e confie. Sem fé nada feito, como vai acreditar num amanhã melhor se não tem fé e não acredita?

 

Atenção ao excesso de sol este mês! Seja moderado na exposição solar. Mas banhe-se nele e permita que ele reequilibre as suas energias.

 

É importante que este mês não ceda a manipulações, seja de situações ou pessoas. O fim não justifica os meios. Tenha cuidado.  Não queira controlar e manipular tudo de forma negativa. Controlo sim, mas ponderado. Controlo de si, dos seus pensamentos e acções. Não dos outros. Cuidando de si já muda tudo. Os outros são os outros, deixe-os livres a fazer o seu processo.

 

Devido a sensibilidade energética e espiritual do mês a tendência de controlo e domínio de tudo é fundamental que tenha cuidado com a sua energia. Tende a gastar demasiada com situações que não valem a pena. Resguarde e proteja a sua energia! É fundamental.

 

Como conselho deve continuar o processo de destruição do que esta a mais na sua vida, deixe cair, deixe ir. Liberte-se de pesos, dores e angustias. Deixe pelo caminho. É importante que o faça de forma voluntaria activa. Mais tarde a vida vai recompensa-lo com algo muito melhor. Mas para o novo entrar tem que deixar cair o velho.

 

Vejam este mês como algo positivo, controlem, analisem e sejam leves. A mudança positiva esta ai, para quem quiser a agarrar, mas para isso o processo de cura tem que ser feito. Curem-se ou pelo menos iniciem esse processo. E sobretudo desapeguem, deixem ir.. nada é nosso.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:55

Como sobreviver sendo um sensitivo??!

por Joana Cristina Pinto, em 26.06.17

empath-or-highly-sensitive1.jpg

Como sobreviver sendo um sensitivo?

Esta é uma pergunta que me fiz muitas vezes e acredito que muitos de vocês também a façam quando descobrem o porque de tantos “sintomas” estranhos e de uma extrema sensibilidade vinda do nada. Eu não considero que ser sensitivo seja nenhuma desgraça, sim é desconfortável em algumas situações e pede reestruturação de situações, amigos e convívios. O que não deve ser encarado como algo mau, mas sim como um crescimento. Na verdade acho que ser sensitivo é um dom de Deus / Universo e devemos estar gratos por sermos assim temos é que aprender a aceitar e nós adaptar a essas características.

 

Na verdade é muito simples se formos verdadeiros connosco sem medos ou preconceitos. Existem muitos textos e teorias de como em sensitivo se deve “comportar”, aqui não vou dizer nada de novo mas vou dar a minha visão. Aquilo pelo que passei e como ultrapassei e como continuo a ultrapassar todos os dias. Sim, minha gente, não há milagres nem terapias milagrosas que tirem o que sentimos.

Mas cuidado com o que lêem por ai. Já li textos completamente aniquiladores de qualquer bem estar e confiança de um sensitivo. Mostrando a vida como sensitivo como um sacrifício brutal. Não é bem assim. Sei que é difícil ter filtro quando não sabemos bem o que se passa e procuramos aconselhamento, mas cuidado, se provocar medo não faz sentido está é uma regra básica que funciona para tudo.

 

O primeiro passo é sabermos quem somos. Parece básico não é? Mas não é. Quando de vós sabeis quem são, o que querem, o que gostam, o que a vossa alma deseja? Estou a falar de verdadeiro conhecimento, não do que a sociedade disse que deviam querer. Façam esse exercício despidos de racionalidade, só sintam sem medo. Vai doer? É capaz, mas o que vem depois é bom demais, é a certeza de que estão em casa e com a melhor companhia possível. É saber o que se quer e ninguém desviar desse propósito. A paz é imensa. Como o fazer? Meditação. Ficar, silenciar e ouvir.

 

 

O seguinte passo é saber criar limites. Não é afastar os outros para não sentir, não! É saber quando é hora de sair, quando é hora de deixar. Podemos sentir e saber mas isso não quer dizer que tenhamos que lidar certas neuroses. As emoções dos outros não são nossas para deslindar e limpar. Não. Lá porque sentimos não há qualquer obrigação. Somos livres, não prisioneiros das emoções dos outros. Da mesma forma que não temos que ficar a levar com o lixo alheio só porque os outros se sentem bem a falar connosco. Poderá!! Limites são fundamentais. Sim, como amigos e ser de Luz devemos ouvir e aconselhar mas há limites e devemos os impor, nem que para isso tenhamos que afastar pessoas ou negar contacto. Isto não é ser mau, é ser bom para nós. Uma das coisas que no inicio me fazia confusão era porque para ajudar eu tinha que ficar mal ou cheia de problemas e emoções que não eram minhas?? Pois, nunca ninguém me respondeu a isto e olhem que bati a muitas portas. Atá ao dia que percebi que não. Não tenho. Nem vocês.

 

Fazer bem para ficar mal? Não é ajudar nem trabalho de Luz, porque os outros são merecedores e nós não? Pois é. Pensem bem nisso.

 

Numa primeira fase é imperativo que os sensitivos aprendam a se proteger de energias e emoções alheias. Sendo que as emoções não são só de pessoas, mas sim de espaços, ambientes e objectos. Enquanto não há uma conhecimento e capacidade de controlo de energia é fundamental saber o que se pode fazer para bloquear e limpar energias. Existem inúmeras técnicas, que ensino no meu Workshop de Limpeza e Protecção Energética, mas o importante é saber o que funciona para nós. Existem pessoas que se dão bem com cristais de protecção, outras Reiki, mantras, enraizamento, banhos de sal, … enfim, há que experimentar para saber. Cuidado com o excesso de banhos de sal, por favor saibam o que fazem antes de o fazer.

Mais tarde a protecção passa a ser algo inato e natural e passamos a nos abrir para o mundo sem medo ou restrições. Mas vão com calma.

 

 

Ter um bom grupo de suporte. Ora bem, isto não é fácil nem simples. Porque primeiro as pessoas não entendem o que se passa ou nem querem perceber o que explicamos. Ou tem preconceito quando falamos em energias e sensibilidade. E algo que aprendi, é que por muitos amigos que tenhamos e que gostem de nós eles não vão perceber o que se passa se não passarem pelo mesmo, e o reconhecerem. Muitos afastam-se, o que é bom porque é sinal que aquela pessoa não nos pode acrescentar mais nada ao nosso crescimento e desenvolvimento.

 

Ser empata é praticar o desapego diariamente. Acho que aprendemos de uma forma dura e assertiva a deixar ir. Seja pessoas ou emoções.

Mas quando falo em grupo de suporte falo de sensitivos assumidos e que estejam bem seguros de si. Porque digo “seguros de si”, empatas não faltam por ai, praticamente todos os terapeutas o são, mas estarão eles preparados para ajudar e orientar outro, mesmo que esse outro tenha uma capacidade maior que a nossa? A minha experiência diz que não. A maioria não esta. Tem medo, escondem-se ou não ajudam por medo de concorrência. Sei que isto parece feio de dizer, mas é a realidade, eu passei por isto. Haja dinheiro para terapias e cursos.

 

Estou longe de ser perfeita, mas faço um esforço para orientar e ajudar quem me procura com essas características pois sei o que dói não saber o que se passa, não ser compreendida e não ser ajudada por “colegas” ou ser mesmo desencorajada. Mas é a vida, assim aprendemos e evoluímos. Obrigado a todos vocês de coração, sei que muitos lêem isto (mas assumir esta quieta).

 

A meu ver estes são os pontos chave de um sensitivo. Não tenham medo, nem vergonha tenham orgulho naquilo que são e sintam, pois a nossa maior arma é o sentir sem reservas.

 

Qualquer ajuda ou questão sabem onde me encontrar. Não tenham vergonha de pedir ajuda.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30

Previsões Semanais de Tarot - 25 de Junho a 1 de Julho 2017

por Joana Cristina Pinto, em 24.06.17

Previsões.jpg

 

Energia principal da semana: A Morte

Energia secundária da Semana: A Imperatriz

 

Na sequência da semana karmica e também do que tenho vindo a falar nos últimos dias, nas previsões diárias, a energia continua a pedir remodelações profundas, mudanças e o deixar para traz pesos e lixo. Esta é uma fase de profunda mudança e transmutação que temos que estar prontos a aceitar e implementar. Mas como anteriormente as mudanças / perdas não são definitivas ou catastróficas, continua a existir uma energia por detrás que é fértil e de desenvolvimento, pelo que não há que ter medo.

Mas vamos por partes.

Como energia principal da semana temos A Morte, uma carta extremamente positiva, porque apesar de anunciar o fim anuncia igualmente um novo recomeço, a mudança para algo novo e positivo. O sol nasce sobre influencia desta carta. Ao contrario do seu nome esta carta é fértil. Porém para que ela actue é preciso que esteja disposto a fazer as mudanças necessárias.

 

Sabe o que tem a mudar, a vida já lhe mostrou varias vezes que certas situações / comportamentos / vontades estão erradas e devem ser modificadas. Esta semana é altura de mudar o que está mal, o que não mais funciona, o que pesa o que dói. Diria mesmo que é altura de fazer uma limpeza de verão. Não tenha medo, as energias são protectoras, mas saiba que só fechando um ciclo e deitando fora o velho pode de forma positiva e segura iniciar um novo ciclo e atrair coisas novas para si. Cabe a si fazer esta “faxina”.

 

As mudanças e reestruturações metem medo, mas a energia secundária do mês vem assegurar que tudo o que façamos vai correr bem. As energias estão férteis e prontas para avançar na direcção melhor para si, para o seu bem superior. Implemente o necessário, lance sementes a terra, cuide delas, tenha fé e confiança. Se fizer as mudanças necessárias a vida vai-lhe parecer mais leve.

 

O plantio não deve ser deixado descuidado ou a balda, senão as ervas daninhas crescem e as duas sementes não conseguem germinar. Mantenha o controlo sobre tudo o que tem e faz. Não descure de nada, não deixe nada por mãos alheias. E sobretudo, não fique a espera que os outros façam por si. A responsabilidade não é deles, é sua e esta mais que na hora de assumir o controlo da sua vida sem desculpas.

 

Todos os seus projectos e ideias devem ser bem estruturados e planeados, não é semana para inventar ou deixar andar. Mas também não se perca em burocracias ou excesso de zelo que depois impedem a sua concretização. Equilíbrio e bom senso são necessários. Caso necessite procure conselhos profissionais ou de pessoas sabias. Puxando a brasa a minha sardinha é uma boa altura de procurar ajuda em Tarot ou Consultas de Aconselhamento.

 

Esta semana deve evitar isolar-se. Meditação e introspecção são necessárias para o nosso bem-estar mas deve ser feito com conta, peso e medida. Não se isole, nem se perca em pesquisas ou procura irreal por informação para estruturar os seus projectos. Tal como disse em cima, bom senso e equilíbrio.

Evite tendências depressivas e melancólicas. Sai e divirta-se. Ou mesmo de um passeio pela natureza, as vezes é o suficiente para arrumar as ideias. Mas não se esqueça que esta é uma semana de acção, concretização e plantio.

 

Venho a falar do mesmo a semanas, mas cá vai mais uma vez, esta semana deixe cair tudo o que esta velho, deixe ir, não se agarre a ideias ou ideais que são se concretizaram nem se vão concretizar. Liberte-se. A vida esta a dar-lhe mais uma oportunidade de o fazer de forma voluntária e positiva. Aproveite. Se não o fizer e continuar em negação há grandes probabilidade de mais tarde sofrer grandes perdas (não são perdas é o lixo que se recusou deitar fora e reciclar). Dissolva, se for necessário destrua você mesmo que esta mal, tenha essa coragem, aprenda com os erros e construa algo novo e melhor, as energias estão propicias a isso! Deixe esse estado de negação.

 

Como conselho final esta semana, que acredito que será uma semana agitada, deve permanecer fiel a sua fé e aos seus objectivos, mostre a sua tenacidade construir a sua vida. Não desista nem desanime, a vida vai fazendo ajusta conforme for necessário, aceite-os como bênçãos.

Alegre-se, divirta-se faça algo que goste. Deve encarar esta semana como sendo leve e feliz. Não se perca em burocracias ou pormenores que não fazem sentido. Veja sempre o humor em todas as situações. E por fim, procure sempre o equilíbrio, não vá a extremos, o caminho é sempre o do meio.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:12

Relatório Energético #2

por Joana Cristina Pinto, em 20.06.17

images.jpg

 

Ora bem, o relatório energético de hoje vem pelas inúmeras queixas que tenho recebido nos últimos dias, de cansaço, falta de energia e força para encarar os dias.

Sabemos que esta onda de calor é muito desgastante, pois não estamos habituados a este clima tropical. Ora faz 35graus, depois arrefece, chove, troveja, aquece e já estão 40graus. Enfim, o nosso organismo não esta habituado a estas festas e por isso ressente-se.

 

Também não é de menosprezar o clima de dor e sofrimento que assola o pais. As energias estão densas e mesmo quem esta longe sente, pois os órgãos de comunicação social fazem questão de nos lembrar das mortes e histórias de dor a toda hora. Isto para não falar nas pessoas que estão constantemente a partilhar histórias de dor.

Não estou a dizer que devemos desligar completamente das noticias, apesar de ser benéfico e eu ter começado o fazê-lo devido ao sofrimento que me causava ver tanta dor, ainda por cima a ser explorada como esta a ser, nem estou a dizer que devemos nos alhear dos problemas do pais mas há limites e acredito que passamos o razoável a muito. Quem é empata / sensitivo sabe que deve evitar noticias deste teor, devido ao efeito que tem sobre nós.

 

Mas retirando estes dois factores, que já tem um peso considerável, existe ainda uma limpeza energética que continua, sabe-se lá desde quando, que continua a puxar por nós e a pedir mudanças e transmutações. Para muitos não tem dado descanso e estão esgotados.

Eu sou um caso desses e digo-vos que este mês, Junho, tem sido para lá de duro e difícil, esta a provocar-nos ao máximo, atiramos ao chão a ver a nossa reacção, tiramos o tapete e espera. Espera a ver se aplicamos aquilo que aprendemos. Pois é...

 

Mas o cansaço é muito eu sei e existem alturas que é difícil manter a fé  e a esperança, dai ter pedido aos Mestres conselhos para nos ajudar a enfrentar esta fase da melhor forma. Eu quero acreditar que esta fase esta a terminar mas vamos aos conselhos.

 

  • Beber muita água – sei que parece cliché mas não, pedem que bebemos muita água. Água é energia, tal como o ar, e ajuda a alimentar e limpar o nosso organismo e energia; e nunca se esqueçam de respirar !!

 

  • Todas as relações (pai, mãe, tio, tia, irmãos, primos, marido, mulher, ….) estão a ser limpas e reequilibradas, os Mestres estão a ajudar-nos a trabalhar e curar estas relações menos saudáveis. Pode parecer que estão a piorar mas não, só esta a vir ao de cima o que é preciso ser trabalhado. Peçam ajuda, permitam que os Mestre e Anjos intercedam em vosso nome, eles querem ajudar mas só o fazem com a nossa autorização, livre arbítrio. Peçam conselhos e estejam disponiveis para ouvir.

 

  • Foquem-se nas vossas forças!! No que são bons, mas vossas qualidades e dons! Todos nos temos, nem que seja para fazer gelados (que nesta altura bem sabem). Deixam para lá o que está mal, não alimentem isso, deixem morrer a fome. E olhem e alimentem as vossas forças, ai sim a vida muda.

 

  • Façam uso das vossas capacidades naturais de cura ou procurem curas energéticas, nomeadamente o Reiki. Aos Reikianos, digo que façam o vosso auto-tratamento diariamente, sem desculpas, não demora nada e os benefícios são muitos. Usem a energia a vossa favor, sem nunca prejudicar ninguém, olhem que a Lei do Retorno anda implacável.

 

  • E por fim, confiem! É isso, confiem, tenham fé e esperança. Tudo vai mudar para melhor, pode estar a demorar é verdade, mas o tempo é uma invenção nossa, não da Luz e do pessoal lá de cima. Logo tudo vem no tempo certo, calma e paciência.

 

Ponham a energia a funcionar, ponham tudo cá fora! Trabalhem a vossa magia, expressem-se e vão em frente, se não der para ir a correr vamos a andar.. é igual o que interessa é a força no ir, no avanço, no crescimento.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:36

Alma, Amor e Céu - O Consultório #7

por Joana Cristina Pinto, em 19.06.17

Alma, Amor e Céu - O Consultorio FOTO.jpg

 

Hoje o Consultório será especial, devido aos últimos acontecimentos do país que merecem uma reflexão minha mas que não deixará de passar pelo tema do blog que é espiritualidade.

 

Continuem a enviar as vossas dúvidas para :

  • Para o meu Facebook: Alma, Amor e Ceú - Joana Cristina Pinto;
  • Para o email: joana.pinto.terapias@gmail.com;
  • Aqui pelo Blog;
  • Por mensagem privada pelo meu Facebook Pessoal.

 

 

Ora bem, tal como sabem o país está de luto e continuam milhares de bombeiros a combater incêndios. A situação de Pedrogão Grande foi a mais complicada, sendo mesmo considerada inédita na história Portuguesa. Até sexta-feira passada era impensável falar-se em 62 mortos num incêndio, ainda mais a fugir das chamas.

Mil e um culpados podem ser chamados a responder mas devemos evitar ser (falsos) moralistas e culpar este e aquele pois acredito que ali foi uma conjugação muito infeliz de acontecimento.

 

A minha formação académica permite-me falar, apesar de este não ser o tema do blog mas já lá vou chegar, pois sou Arquitecta Paisagista e tenho uma pós - graduação em Riscos,Cidades e Ordenamento do Território com especialização em Cidades e Sustentabilidade. (Não estou a puxar galardões académicos, mas não vá alguém ficar ofendido, eu falo com conhecimento de causa).

 

Vou enumerar só alguns dos pontos que acho importantes:

  • Não existe ordenamento territorial e muito menos ordenamentos florestal; as terras são de ninguém e ninguém quer saber;
  • A pastorícia, que mantinha as terras limpas pelo gado, é quase inexistente;
  • Aldeias abandonadas, com população sazonal, ou com população sem forças, devido a idade, e condições financeiras para limpar;
  • Plantio desgovernado de plantas invasoras pirofitas, nomeadamente a acácia e o eucalipto;
  • Temperaturas fora do "normal", ventos fortes e as trovoadas secas (que não são nenhum fenómeno extraordinário);
  • As alterações climáticas, que apesar de serem "normais" num contexto global da história do planeta estão a ser agravadas pela intervenção humana;
  • ...

Enfim, tal como disse uma conjugação infeliz de acontecimentos. Podemos culpar governo,o IPMA ou este e aquele ou mesmo os GNR que mandaram os condutores para a morte, sim já vi estes comentários hoje. enfim.. Como se os GNR fossem colocar as pessoas em perigo só porque sim.. enfim, bom senso minha gente.

 

Só espero que os decisores agora tenham percebido a necessidade de um ordenamento florestal. E vou ficar por aqui senão nunca mais me calo pois doí-me ver um pais tão bonito verde, de grandes agricultores deixado ao abandono só porque na cidade é que estão as oportunidades mais fáceis. Enfim... calei...

 

Também tenho lido alguns comentários nas páginas dos canais de noticias que me deixam no mínimo assustada. As pessoas criticam por criticar, falam mal por falar sem qualquer fundamento intelectual ou conhecimento. É o puro descarregar de veneno e maldade.

Onde está o bom senso e o respeito? O que se passou para virar moda o criticar só porque sim? Onde ficou a sabedoria e a compaixão?

Como se pode evoluir e crescer quando o que vale é isto? Como querem estar bem e prosperar quando só sabem deitar a abaixo.. Assim não dá.

Desculpem o desabafo mas este Voyerismo macabro assusta-me.

 

 

Mas vamos ao tema deste blog que é a espiritualidade.

Muito poderia ser dito sobre a parte energética e espiritual desta situação, sim, porque nada é por acaso e por alguma razão nos últimos dias tem havido uma sucessão de "desgraças". Mas ainda não é tempo, nem sei se algum dia será, de falar disso. Por isso, acho melhor ficarmos pelo sentimento de compaixão pelas pessoas, animais e plantas.

 

Tenho visto muitos Mestres de Reiki a apelar ao envio de Reiki para as pessoas e para a Natureza.

 

E eu venho reforçar que os Reikianos de Nível 2 ou Superior que enviem Reiki a Natureza, ás plantas e aos animais!!

 

Cuidado Reikianos de Nível 1, as energias estão pesadas e vocês não tem o Símbolo de ajuda a distância, pelo que recomendo a não o fazerem. Se o fizeram fazem por vossa conta e risco, estando conscientes das cargas com que podem ficar. Estas situações não devem ser levadas de ânimo leve pois pode colocar uma pessoa de cama. Bom senso. Podem ajudar de outras formas!

 

No caso das pessoas já peço, mais uma vez, algum bom senso devido ao livre arbítrio, já falei bastante sobre isso pelo que não me vou alongar. Podem consultar o que escrevi na Tag Livre Arbitrio ou mais concretamente aqui no post Só porque posso será que devo.

 

Mas o envio de energia Reiki para aquele local já vai ajudar bastante o ambiente e consequentemente influenciar as pessoas de forma positiva.

 

Sei que isto tudo ainda parece irreal mas aconteceu. Não tenhamos pena mas sim compaixão! Ah e bom senso por favor em grandes doses nunca fez mal a ninguém!

 

E um bem haja a todos os Bombeiros, GNR, Militares do Exercito e Civis que tem lutado contra as chamas sabe-se lá com que forças. Muita Luz!

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:31

Previsões Semanais de Tarot - 18 a 24 de Junho 2017

por Joana Cristina Pinto, em 16.06.17

Previsões.jpg

 

Energia principal da semana: O Mago

Energia Secundária da semana: O Mundo

 

Parece que nesta semana, de 18 a 24 de Junho, temos aqui uma benesse energética pois vamos ter uma semana mais leve e positiva. O que já não era sem tempo pois os últimos tempos tem sido duros e conturbados.

 

Ora bem, a energia principal da semana O Mago pede que sejamos empreendedores, que tenhamos iniciativa e sobretudo que sonhemos muito. Enquanto na ultima semana as coisas estavam paradas, apesar de nos ser pedida a acção, agora as coisas começam a mexer, os resultados começam a aparecer e o desbloqueio de certas situações acontece. Atenção que não é um desbloquear geral, ainda há muito a resolver, mas é um bom começo.

 

É essencial que esta semana tenha iniciativa e, mais uma vez, trabalhe de forma honesta e integra, vá atrás do que quer, planeia e execute. Esta semana pode fazer. Não tenha medo nem se retraia o momento é o certo, tem todas as ferramentas e conhecimentos que necessita para avançar, o resto aparece quando foi necessário. Não tema e arrisque! Esta semana pode-o fazer. Contudo, não disperse nem perca tempo com pormenores, analise o que é necessário ou mais importante e coloque os projectos cá fora, sem desculpas. Faça uso da sua criatividade e de todas as ferramentas que tem ao seu dispor, inove, arrisque!

 

Como energia secundária temos outra grande carta, O Mundo, que vem reforçar a ideia que esta semana se podem realizar projectos, chega de esperar, a realização é possível! Como as energias estão mais leves é natural que se sinta mais feliz, completo e realizado, use essas energias para iniciar coisas novas, é fundamental que não pare, nem se contente. Novos projectos são possíveis.

 

É natural que esta semana veja um ciclo da sua vida a encerrar, isto faz parte dos ciclos naturais da existência, uns fecham e outros abrem. Isto é bom, deixe ir, deixe este ciclo fechar medite sobre o que se passou e sobre o que aprendeu, mas não se demore com tristezas ou nostalgias, agradeça e liberte-se.

 

Ao contrario das anteriores esta será uma semana bastante rápida e agitada. De um momento para o outro o que estava parado e parecia sem solução resolve-se e desenvolve. Não se assuste, nem se sinta sobrecarregado com tanta energia e acontecimentos, se for demais, tire momentos para relaxar e respirar fundo. Nunca se esqueça de respirar fundo.

 

Será igualmente uma “semana karmica” onde a vida vai endireitar o que está mal e repor o que falta. É natural que situações do seu passado voltem para ser resolvidas, não se apegue e veja-as como são, situações a ser resolvidas. Perdoe, aprenda, liberte e dissolva. Não resista e deixe fluir. É importante que esta semana também medite sobre o desapego, sobre as voltas que a vida dá e que num momento temos tudo e outro temos nada. Isto não é castigo é lição. São as voltas da vida e como diz a minha avó: “não há mal que sempre dure nem bem que nunca acabe”.

 

Vimos de semanas difíceis e que tem trazido lições duras (aos que tem estado atendo e já saíram da negação) pelo que é imperativo que não se agarre a sofrimentos nem que veja a vida, e as suas voltas, como um sacrifício e castigo. Não, longe disso. São aprendizagens para nós, seres espirituais em crescimentos, possamos evoluir mais. Agora se vir estas provações como desgraças e que é uma vitima das pessoas e circunstancias, tudo fica mais difícil e só vai continuar no mesmo sitio onde esta com os mesmo problemas. Isto de preferir ser um pessimista para ter uma surpresa não funciona. Quer dizer, funciona, mas traz-lhe mais situações para se queixar.

 

É importante reconhecer, apesar de todos os problemas e obstáculos, todas as bênçãos que tem na sua vida. Sim tem muitas. Já as enumerou? Faça esse exercício e acredite que vai ficar admirado. Como evoluir na vida se não consegue reconhecer o bem que está e o bem que tem? É difícil. Como reconhecer algo melhor se nem reconhece a sorte que tem diariamente?

 

Para terminar, o equilíbrio é essencial esta semana, pois é uma semana cheia de energia e coisas a acontecer, pelo que manter o pé na terra é preciso. Faça sessões de relaxamento sempre que necessário assim como de Enraizamento.

Devido ao factor karmico da semana não se esqueça que tudo o que faz volta para si, especialmente esta semana que vai ser para “saldar dividas”. Logo tudo o que faz terá um efeito quase imediato. Pense bem antes de agir nada fica por pagar. Mesmo as situações que pensa que esta a ajudar pense bem se esta a ajudar o outro ou é para se sentir confortável. E sobretudo, seja ético e integro. Inspire-se e avance com projectos, a renovação esta aí mas nunca perca o equilíbrio e siga sempre o caminho do meio.

 

Com Amor e Luz

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:54

Alma, Amor e Céu - O Consultório #6

por Joana Cristina Pinto, em 12.06.17

Alma, Amor e Céu - O Consultorio FOTO.jpg

 

“Porque alguns tarólogos / terapeutas / médiuns / oh lá o que lhe queiram chamar cobram e outros trabalham de graça? Sempre ouvi dizer que não se deve cobrar dom de deus.”

 

Ora bem, já falei nisto num post anterior meu que pode consultar AQUI e acredito que o cobrar ou não, não deixa de ser uma escolha pessoal. Dom de Deus todos nás temos, todos nós temos a capacidade de ser médiuns e de desenvolver intuição, não acredito que uns são escolhidos ou melhores que os outros, simplesmente uns despertaram para a espiritualidade mais cedo e outros permanecem adormecidos. Podendo fazer o seu despertar a qualquer momento.

 

Como já falei disto no post não me vou alongar muito, mas o que fazemos é uma escolha profissional nossa, escolhemos dedicar o nosso tempo e conhecimento na ajuda e orientação do próximo. Com isto não deixamos de ter responsabilidades financeiras, temos contas para pagar e temos que comer, assim como comprar roupa, sapatos, enfim, tudo como os outros. Sim podemos ser mais espirituais mas também gostamos e precisamos de uns “luxos” e confortos.

 

Mas na verdade não estão a pagar pelo meu dom ou pelo dom de outros profissionais, isso não se paga (tal como a energia de Reiki não se paga), estão a pagar pelo nosso tempo e pelas ferramentas que fomos adquirindo, através de cursos e formações, nada baratos, para conseguir encaminhar da melhor forma possível. Eu falo “da melhor forma possível” porque eu trabalho para a pessoa, de coração, não trabalho pelo dinheiro em si, que me dá um jeitasso, sim, tenho contas a pagar, mas neste trabalho não é o dinheiro que me move, como na muitas das pessoas que muda de trabalho, porque pagam melhor. O trabalho não passa de um veiculo para fazer dinheiro, e isto é válido atenção! Eu trabalho porque quero genuinamente ajudar os outros e modéstia a parte sei-o fazer e faço-o bem. E daí praticar preços acessíveis, que não exploram mas também dignificam o meu trabalho.

 

Sei que isto mais parece um desabafo e verdade seja dita não deixa de ser. Diariamente sou confrontada com as situações mais hilariantes para não pagarem ou mesmo para desmoralizar o meu trabalho. E digo hilariantes porque tenho que me rir delas senão chorava de manhã a noite. E muitas vezes são essas mesmas pessoas que vão as “Zilas e Marias Helenas” destas vidas e pagam mundos e fundos e saem de lá com rezinhas e velinhas e tocar no que importa nada. Voltam lá pro mês que vem para ver como vai…. E onde fica o respeito para o meu trabalho?? Eu tenho que o impor porque esta visto que poucos o dão.

Ou pior vão a alguém que não cobra consultas e depois tem tratamentos que Sta Rita lhes valha, só penhorando a casa. Sim há casos destes, mais do que imaginam. Mas enfim. Cada um sabe de si.

 

Eu dou valor e respeito-me e respeito o meu trabalho ao ponto de achar que devo ser recompensada por ele. Quem não o faz é justo! Como digo sempre, cada um trabalha da forma que acha que deve trabalhar. Eu sei de mim.

 

E sim, há pessoas que não cobram e são muito serias e corretas! Há de tudo nesta área tal como em todas as áreas.

 

Resumindo, concluindo e baralhando (as cartas de preferência hahah) o dinheiro não passa de uma energia de troca, se o terapeuta fornece um serviço deve ser pago por isso, e que se não for paga nesta vida o Karma vai-se encarregar de o fazer pagar noutra vida. Ninguém fica a dever nada a ninguém.

 

Desculpem-me a extensão do post mas há alturas difíceis e as coisas que estão entaladas na garganta têm que sair. E sei que não falo só por mim, falo por muitos terapeutas.

Um bem haja a todos que fazem trabalho sério e continuam a acreditar nos seus serviços ao ponto de não se rebaixar ou criar “Serviços Falsos”. Não desmoralizem, esta quase a terminar, espero eu...

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:37

Previsões Semanais de Tarot - 11 a 17 de Junho 2017

por Joana Cristina Pinto, em 10.06.17

Previsões.jpg

 

Energia principal da semana: A Torre

Energia Secundária da Semana: A Morte

 

A semana que ai vem é no mínimo interessante.

Como energia principal temos A Torre o que indica que a semana será de fins, isto é, é imperativo que esta semana esteja disposto a fechar de vez o ciclo de tudo o que faz mal e prejudica. Sem este fim de ciclo não pode esperar coisas novas na sua vida. Não há lugar. Existe grande probabilidade que este fim de ciclo lhe seja imposto pela vida, de repente “perde” algo a que se estava a agarrar desesperadamente, como a sua única salvação. Dai eu vir à muito tempo a reforçar a ideia que as decisões tem que ser tomadas, nada escapa a energia deste mês!

 

Só uma nota ao “perde”: aqui o perder não é uma desgraça nem algo que lhe é vital que vai ser retirado. Não! A vida esta sempre certa e se algo é-nos retirado, muito provavelmente já o devíamos ter libertado a meses.

 

Há que entender o que é o desapego e prática-lo verdadeiramente.

 

Muitos projectos podem ruir e acabar, mais uma vez, só cai o que esta mal ou foi construído sobre bases mal edificadas. Relações podem mesmo se saturar e romper. É imperativo que mantenha a calma e pratique o desapego, pois como energia secundária da semana temos A Morte que nos fala em novos ciclos, em mudanças estruturais para algo positivo.

 

Esta Morte traz-nos aqui diferentes ideias para dois grupos de pessoas.

A primeira é que ao cair tudo as energias estão prontas a um recomeço, desde que se mantenha a fé e a esperança que conseguirá construir algo novo e melhor. Logo não há aqui desgraças, sim cai, mas esta tudo pronto para recomeçar. Este é o grupo de pessoas que apesar dos avisos continuam em negação, negam a necessidade de mudança e que estão aterradas de medo do que vem ai, logo acabam por se agarrar ao que têm.

A segunda é para as pessoas que já tem vindo a implementar as mudanças na sua vida, mas já estão a espera desta ruína e que de alguma forma agiram para ajudar essa queda com a garantia e fé que algo melhor vem ai. Pelo menos já a semanas venho a falar do mesmo ;) Estas são as pessoas que tem vindo a passar um mau bocado nos últimos tempos mas que continuam a lutar e a promover transformações na sua vida nunca desanimando.

 

Mas resumindo, será uma semana dura de fins, desilusões, sofrimento, rompimento MAS logo por detrás tem uma energia de recomeço e de abertura de novos ciclos mais prósperos. Devemos agradecer a vida esta dádiva! E aproveita-la!

Mas para isso temos que acreditar e ter fé, e não nos perdermos a chorar o velho, o passado e as mágoas. Deixe ir, deixe cair. A atitude e a forma de encarar todos estes acontecimentos é fundamental.

 

Nesta semana é fundamental que seja disciplinado e correcto. Não é semana para inovações ou extravagâncias. Tudo deve ser feito de forma legal e mesmo de forma tradicional, com o risco de tudo voltar a cair mais cedo que tarde. Procure assumir o controlo da sua vida e dos seus projectos, não deixe nada ao acaso nem por mãos alheias. Se não souber lidar com alguma situação procure aconselhamento profissional. Ponha as mãos as obras e aja sempre.

 

E mais uma vez, é essencial que não se agarre a sofrimentos pelo que “perdeu”. E acredite que já foi tarde. Desapego. Desapego. Desapego. Se cair em melancolias, tristeza ou entrar no papel de vitima a vida não vai andar e mais certo é dar-lhe mais razoes para se sentir mal. Logo o que vai escolher?

 

Sim tem que escolher, tomar a decisão do que realmente quer para a sua vida. Viver com mágoas e infelicidade ou ir atrás do que realmente quer? Vai continuar a inventar desculpas ou vai a luta? Vai continuar agarrado ao passado ou vai viver o hoje planeando o futuro? A escolha é sua. Escolha bem, pois ela vai definir os próximos tempos!

 

Não quero assustar ninguém, mas sinto que esta semana vai ser decisiva para muitas situações. É como diz o velho ditado: “ou vai ou racha”.

 

Existe a possibilidade de esta semana ser muito lenta, tudo se desenvolver de forma lenta quase parada, porém isto não quer dizer que devemos parar ou descansar. De todo! Devemos trabalhar, pôr o esforço lá, trabalho duro, pôr a energia cá fora e a mexer, e depois usar o poder de manifestação. E acredite que mais tarde os resultados virão.

Deve ir dentro de si e procurar a paixão pela vida, a felicidade e mesmo o amor e usar essas energias para lhe dar força para encarar o que vem aí.

 

Isto não é mau! É extremamente positivo se estiver disposto em ir com a corrente da vida e alinhar a sua direcção com a direcção do caminho certo para si.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:16

Relatório Energético #1

por Joana Cristina Pinto, em 06.06.17

relatorio energetico.jpg

 

Na sequencia dos últimos dias que tem sido muito difíceis para muitas pessoas, que sofreram com muito cansaço, dores e mal estar em geral, hoje venho falar de outro “sintoma” que me apercebi que surgiu.

 

Já li alguns textos de astrólogos que falam da lua e da influência de não sei mais o quê. Sou sincera, não percebo nada disso, logo vou falar daquilo que percebo bem: de energias!

 

Ontem e mesmo anteontem, já tinha vindo a sentir uma energia diferente, tanto que ontem fiz a pergunta no grupo de Facebook e muitas pessoas se identificaram. Nos últimos dias temos vindo a ser confrontados com os nossos medos e receios. Parece que o que mais receávamos veio para nos atormentar. Mas não.

 

Vamos ao que sabemos. E como já falei algumas vezes estamos num período de ascensão energética logo limpezas energéticas são necessárias. Estas limpezas não são pedidas por nós, conscientemente, mas se o nosso Eu Superior acha que estamos no bom caminho promove estas limpezas, dai que nem todas as pessoas sentam o mesmo e alguma não reportarem qualquer sintoma. E só limpando o lixo e o velho podemos acolher o bom e o novo.

 

Mas porque a energia dos últimos dias é especial? Os medos são as principais barreiras que nos impedem de avançar ao encontro dos nossos objectivos e desejos. E como se limpa um medo? Pois bem, deixando-o vir a pele e enfrentando-o, que é o que tem acontecido, os nossos medos estão cá em cima prontinhos a serem lidados e libertados.

 

Com isto não quero dizer que tem medo de alturas tem que se atirar de um avião. Não, calma. Devemos reconhecê-lo e aceitá-lo como nosso. Acarinhá-lo mesmo, se é nosso porque o vamos negar? Até porque o negar ainda lhe dá mais força. Sei que isto parece estranho mas tenho um ponto a que quero chegar. Se nos tornamos íntimos (íntimos, não quer dizer que devemos nos reconhecer no medo. Não. Devemos olhar para ele com racionalidade, sem qualquer identificação ou sentimento) do nosso medo a forma como olhamos para ele muda, passamos a vê-lo como ele verdadeiramente é. Fraco, ilusório e sem qualquer substância. Digam mesmo ao vosso medo, sim! falem com ele e digam: “és tão fraco, não tens nada ai dentro, não passas de uma mentira, não tens qualquer controlo sobre mim, mas obrigado, obrigado por todo as lições que me trouxeste mas agora não preciso mais de ti. Podes ir. Liberto-te dissolvo-te e liberto-me! Agora!”

 

Pois é, passamos a ver o medo como fraco. E ai sim, percebemos que aquela “coisa” já não tem qualquer poder sobre nós e ai podemos o libertar. Sim não basta, enfrentar e aceitar, temos que libertar, deixar ir, deixar cair.

 

Sei que há situações “mais simples” que outras mas este trabalho tem que ser feito. O velho tem que ser libertado e dissolvido. Só assim avançamos. Não precisamos de libertar todos os medos de uma só vez. Não. O desenvolvimento pessoal / espiritual é uma maratona e não um sprint. Temos tempo. Um de cada vez, no nosso próprio tempo. Mas há que começar por algum lado e temos agora uma oportunidade extraordinária.

 

As mensagens que tenho recebido e que pedi para poder escrever este post e orientar da melhor forma é que a lei da atracção esta a funcionar de uma forma mais assertiva. Logo o que pedimos, desejamos, atraímos tem uma força maior chegando até nos mais rápido ou mesmo de uma forma mais abundante. Daí a importância, extrema, de sermos positivos e pró-activos na luz. Vai desejar libertar-se do medo ou vai continuar a fugir dele?

 

Assuma mesmo o comando da sua vida! Não permita que nada nem ninguém decida o que pode ou quer fazer. Só você sabe o que quer e é o melhor para si, logo assuma o comando da sua vida sem reservas nem desculpas. O carro só vai para aonde a gente quer e como a gente quer se formos nos a conduzir.  

 

Celebre a sua liberdade! É um ser livre, esta livre agora! Não se deixe prender, seja por medos, seja por limitações ilusórias e muito menos por pessoas! Celebre-se a sua liberdade, mais uma vez, sem desculpas!

 

Neste período também é importante fazer actividades que promovam o bem-estar energético! Desde um passeio ao ar livre, reiki, meditação, yoga, seja o que for, desde que reforce a sua energia. Ainda ontem uma Senhora no grupo referia que usava a sua Mesa Radiónica para fazer frente aos bloqueios e sentir-se melhor. Óptimo! Se poder faça o mesmo! Eu também o faço e ajuda bastante.

 

E não pare, sei que as energias podem pedir calma, recolhimento e tudo estar muito muito muito lento mas não é tempo de parar, tal como referi nas previsões diárias, é tempo de andar, fazer caminho de encontro ao que queremos. Assuma o controlo e vá agora! Ontem já é tarde.

 

Por fim, foque-se sempre nas suas forças. Sei que os medos podem minar alguma confiança, mas não passam de ilusões, logo enumere as suas forças, aquilo que é bom ou gosta de fazer. E celebre-as! Celebre o bem que faz. Nem que seja o fazer bolos de chocolate. É bom a fazer? Óptimo. Faça e sinta-se feliz por isso. Pode parecer pequeno mas é poderoso.

 

Resumindo, concluindo e espero que não baralhando, aceite as limitações, aceite-as e liberte-as. Não se identifique com elas, podem fazer parte de si mas não o definem nem são você, não deixa que elas o deixem estagnado, continue a andar e a lutar por aquilo que quer, ponho os projecto cá fora e assuma o poder da sua vida. A liberdade que isso lhe vai trazer é poderosa. Celebre-se todos os dias pelo ser maravilhoso que é! Seja feliz e mostre ao medo como é ser feliz.

 

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:20

Alma, Amor e Céu - O Consultório #5

por Joana Cristina Pinto, em 05.06.17

Alma, Amor e Céu - O Consultorio FOTO.jpg

“Harmonização de relacionamentos.”         

Ainda esta semana voltei a ver a publicidade a harmonização de relacionamentos, aqui não vou entrar em mais pormenores porque é pura perda de tempo.

Acredito que muitas pessoas, não o façam por maldade e muitas nem tem noção do que estão a fazer. Mas vamos partir do principio que os tais “terapeutas” fazem essa mesma harmonização (sim, porque muitas vezes é conversa… haja dinheiro a cair na conta) existe uma autorização da outra pessoa? Aqui entramos no mesmo tema do Consultório da semana passada, não podemos mexer na energia da pessoa sem a sua expressa autorização! Sendo casal mais ainda! Não basta a autorização de um, tem que haver concordância dos dois, só assim essa trabalho se torna ético e correto.

Sim é possível fazer este tipo de trabalho sem autorização. Funciona, sim. Durante um tempo, porque mais cedo ou mais tarde as Leis do Karma vão entrar em acção e penalizar quem agiu mal, seja cliente e “terapeuta”.

Volto a frisar, cada um faz o que quer, como quer e quando quer. O intuito destes posts é informar para poderem fazer escolhas certas e que sejam positiva para vocês.

 

 

“Comprei um tarot e um livro e comecei a estudar.. mas não me sinto segura. O que devo fazer?”

Esta é algo que me perguntam muito, pessoas quem te curiosidade pelo tarot e querem aprender e acabam por comprar baralho e livro e estudam sozinhas.

Isto é legitimo e há boas Tarólogas que aprenderam sozinhas! Não quero com este post desacreditar ninguém. Mas o tarot não se deve aprender sozinho! Existem temas e situações que só um “professor” (tarólogo experiente) que pode ajudar e explicar.

O significado das cartas esta em todo o lado, seja livros, blogs e youtube, mas nem todos as significados são iguais havendo mesmo alguns contraditórios para a mesma carta. Isto acontece devido as diferentes escolas que tarot que existem, é válido é. Mas aqui é importante haver uma orientação. Existem questões éticas e energéticas que não se aprendem em livros e youtubes, mas sim pela experiencia de um tarólogo. Mais exemplos poderiam ser dados mas isso não é o importante.

Sim devemos ser pro didactas e devemos estudar por nós e ir atrás de mais informação. Mas também é muito importante sabermos filtrar todas as informações (muitas mentiras, preconceitos, mitos,…) que existem por ai.

E também as pessoas, clientes, dão valor ao diploma, mostra que o tarólogo se aconselhou com alguém mais experiente e sabe o que esta a fazer.

E sejamos realistas, sim, como já disse tarot é só papel com desenhos, mas o seu mau uso pode trazer graves problemas.

 

Continuem a enviar as vossas dúvidas e Questões!!

Com Amor e Luz

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:51

Pág. 1/2




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D


Links

  •  

  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Blogs de Portugal


    Seguir